Artigo

Artigo

Trabalhador perde dinheiro com FGTS

A notícia é estarrecedora e nos deixou revoltados. A correção das contas do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) pela TR (Taxa Referencial) causou perda de 28,7% nas contas dos trabalhadores.

A notícia é estarrecedora e nos deixou revoltados. A correção das contas do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) pela TR (Taxa Referencial) causou perda de 28,7% nas contas dos trabalhadores. O cálculo foi feito pelo Instituto FGTS Fácil, uma ONG especializada sobre o fundo, e divulgado pela imprensa.

Não podemos admitir que as contas do fundo dos trabalhadores sejam remuneradas com taxas inferiores à inflação. De acordo com a instituição, desde fevereiro de 1991, quando passou a ser o índice de correção das contas, até julho deste ano, a TR teve variação de 32.422%. Em comparação ao INPC, que teve variação de 41.749%, as contas do FGTS perderam 28,7%. Para se ter uma idéia do tamanho dessa perda, é como se um trabalhador precisasse comprar um produto que custa R$ 41,75, mas só tivesse R$ 32,42.

De todos os rendimentos, este é o que menos remunera. Estão nos roubando. A ONG estimou a perda para o patrimônio de todos os trabalhadores e tomou por base o patrimônio do FGTS de cerca de R$ 160 bilhões. Assim, a instituição calculou a perda em torno de R$ 46 bilhões.

A estimativa é que hoje o patrimônio líquido — diferença entre o patrimônio total e o saldo das contas dos trabalhadores — do FGTS supere R$ 180 bilhões). O cálculo mostra ainda que se a correção das contas do FGTS fosse feita com base no INPC, o patrimônio dos trabalhadores seria hoje superior a R$ 200 bilhões.

Como a correção das contas obedece ao disposto na lei nº 8.036/90, que regulamenta o fundo, defendemos um debate para mudar o indexador que corrige as contas do fundo. Depois poderemos apresentar projeto de lei para alterar a correção do FGTS. Temos que acabar com a TR e utilizar um indexador que remunere as nossas contas acima da variação da inflação.

Paulo Pereira da Silva, Paulinho
Presidente da Força Sindical

Enviar artigo para amigo(a)

Imagem de verificação

Outros artigos

Twitter

Jornais

Vídeos

8º Congresso da Força Sindical-RS

Confira os principais momentos do Congresso Estadual da Central

Outros vídeos

Campanhas






Quem somos

Sobre a Força Diretoria Atuação no Estado Metas Filiados

Secretarias

Juventude Meio ambiente Formação Sindical Saúde do trabalhador

Materias oficias

Álbum de fotos Vídeos Jornais Logotipos da Força Jingles

Publicações

Notícias Agenda Tweets Interativas Artigos

Comunicação

Fale conosco Informativo Canal RSS Como chegar Mapa do site

Campanhas

Fórum Social Mundial Faixa de Fronteira 2015 Bioma Pampa Posto de Saúde 24h Trabalho Decente
Força Sindical do Rio Grande do Sul
Cristovão Colombo, 203 - Porto Alegre
Rio Grande do Sul, Brasil
CEP 90560-003 - Fone: (51) 3228.0098
contato@fsindical-rs.org.br