Notícias

Segurança 03/01/2013 17:09

Está de férias? Especialistas dão dicas para evitar problemas ao comprar pacotes turísticos

De acordo com advogado, o primeiro passo é verificar a idoneidade da empresa de turismo que se pretende contratar.

A advogada carioca Cátia Cunha viu suas férias se transformarem em um pesadelo ao comprar um pacote de viagem para Buenos Aires, junto com 11 amigos, em um site de compras coletivas. A decepção veio dez dias antes da data marcada para o embarque, quando o grupo recebeu um e-mail da operadora de turismo responsável pelo pacote informando que a viagem estava cancelada.

“Eles disseram que o site não havia repassado o dinheiro e, portanto, não emitiriam nossos bilhetes. Para nós, que já tínhamos feito planos após conseguir conciliar todas as agendas, foi uma frustração enorme, um verdadeiro transtorno”, disse.

Para evitar problemas como esse na hora de fechar um pacote turístico nas férias, seja pela internet ou em lojas, especialistas alertam para alguns cuidados que os consumidores devem  tomar. De acordo com o advogado Flávio Siqueira Júnior, do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), o primeiro passo é verificar a idoneidade da empresa de turismo que se pretende contratar.

“Deve-se observar se ela está regularmente cadastrada no Ministério do Turismo, por meio do site cadastur.turismo.gov.br. O consumidor também deve verificar se há reclamações contra ela no Procon”, explicou.

O advogado acrescentou que as redes sociais também podem ser uma ferramente importante na hora de pesquisar a qualidade dos serviços oferecidos.

“Muita gente comenta os serviços nas redes sociais. Então, com uma busca é possível verificar se há muitas reclamações, de que tipo elas são e se vale a pena correr o risco”, ressaltou.

Siqueira Júnior lembrou que a leitura cuidadosa do contrato também pode ajudar a evitar problemas. “O consumidor deve, ainda, guardar todos os documentos relativos aos serviços contratados, como folhetos promocionais e informações sobre benefícios incluídos e condições de pagamento para futuros questionamentos. A empresa tem que cumprir o que está prometendo”, enfatizou.

Ele alerta para os riscos das “promoções relâmpago” que costumam surgir nesta época do ano, principalmente com anúncios pela internet.

“É preciso ter sangue frio e evitar comprar por impulso. O consumidor deve estar atento às datas disponíveis, se o transporte está incluído e que hotel e passeios fazem parte do pacote”, disse.

“Além disso, alguns dias antes da viagem, o consumidor pode se prevenir, entrando em contato com os prestadores dos serviços para pedir documentos que lhe garantam, por exemplo, a reserva da estadia e os bilhetes aéreos com assento marcado. É mais uma garantia”, acrescentou.

Segundo o coordenador de Fiscalização do Procon-RJ, Marco Antônio da Silva, caso tenha seus direitos violados, o consumidor deve entrar em contato “o mais rápido possível” com a empresa contratada para tentar sanar o problema.

“Se não for possível por esse caminho, deve-se recorrer aos órgãos de defesa do consumidor, como o Procon, ou ao Judiciário”, disse.

De acordo com o Código de Defesa do Consumidor (CDC), o cliente que se sentir lesado tem até cinco anos para mover uma ação por danos morais e materiais.

O coordenador de Fiscalização do Procon-RJ acrescentou que, no caso das compras online, o CDC prevê a possibilidade de desistência em até sete dias.

Fonte: Agência Brasil

Link alternativo: http://fsindical-rs.org.br/n/1Pe

Versão desta notícia em PDF




Tags:    força sindical   rs

Enviar notícia para amigo(a)

Imagem de verificação

Notícias relacionadas

Facebook

Notícias deste período

Deputado Paulinho da Força anuncia ação para regulamentar funcionamento de casas noturnas

Encontro do SENTRACOMSERV reúne comerciários de todo o País em Porto Alegre

Presidente do sindicato participa de reunião na Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Social

Central concentra arrecadações para ajudar as famílias da Vila Liberdade

Sindec/POA denuncia descumprimento de acordo da Convenção Coletiva de Trabalho

Painel do FSM Temático aprova manifesto unitário das centrais sindicais

Mundo do Trabalho enfoca discussões sobre a tragédia em Santa Maria

Central se mobiliza em solidariedade às famílias afetadas pelo incêndio na Vila Liberdade

Força faz reunião e discute conjuntura política e sindical

Nota de Solidariedade a Santa Maria

Nota Oficial do Fórum Social Temático

Ajude as famílias da Vila Liberdade atingidas pelo incêndio neste domingo

Central comunica a suspensão de eventos em luto pela tragédia em Santa Maria

Nota de Solidariedade

Trabalhadores colorem a Borges de Medeiros na marcha de abertura do Fórum Social Temático

Presidente do Sindec/POA recebe visita de representantes internacionais

FSM Temático concentra atividades direcionadas ao Mundo do Trabalho e Trabalho Decente

Redução na conta de energia custará R$ 8,4 bilhões ao Tesouro

Comitiva do FSMT visita redação do Correio do Povo

Centrais sindicais anunciam para março marcha de trabalhadores a Brasília

Comitiva do FSM Temático visita a imprensa para falar dos ajustes finais do evento

Crianças da Vila Cruzeiro recebem festinha especial

Comitê de Porto Alegre encerra preparativos

Vendas somam 288,2 mil vagas e lideram ranking das profissões

Instituto Girassol inicia campanha para arrecadar material escolar

Mais notícias

Twitter

Jornais

Vídeos

8º Congresso da Força Sindical-RS

Confira os principais momentos do Congresso Estadual da Central

Outros vídeos

Campanhas






Quem somos

Sobre a Força Diretoria Atuação no Estado Metas Filiados

Secretarias

Juventude Meio ambiente Formação Sindical Saúde do trabalhador

Materias oficias

Álbum de fotos Vídeos Jornais Logotipos da Força Jingles

Publicações

Notícias Agenda Tweets Interativas Artigos

Comunicação

Fale conosco Informativo Canal RSS Como chegar Mapa do site

Campanhas

Fórum Social Mundial Faixa de Fronteira 2015 Bioma Pampa Posto de Saúde 24h Trabalho Decente
Força Sindical do Rio Grande do Sul
Cristovão Colombo, 203 - Porto Alegre
Rio Grande do Sul, Brasil
CEP 90560-003 - Fone: (51) 3228.0098
contato@fsindical-rs.org.br