Notícias

Pagamento 12/11/2015 15:41

Pagamento do 13º salário deve injetar R$ 173 bi na economia até o fim do ano

Valor, que vai beneficiar cerca de 84,4 milhões de trabalhadores do mercado formal, responde por aproximadamente 2,9% do PIB.

A economia brasileira deve receber até dezembro uma injeção de cerca de R$ 173 bilhões adicionais por causa do pagamento do 13º salário, segundo estimativa do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). O montante - que vai beneficiar cerca de 84,4 milhões de trabalhadores do mercado formal, inclusive empregados domésticos, contribuintes da Previdência Social e aposentados e beneficiários de pensão da União - responde por aproximadamente 2,9% do Produto Interno Bruto (PIB).

Pelos cálculos do Dieese, os beneficiários pelo 13º receberão em média R$ 1.924 adicionais até dezembro. O cálculo do Dieese leva em conta dados da Relação Anual de Informações Sociais (Rais) e do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), ambos do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

Também foram consideradas informações da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), referente a 2012, e informações do informações do Ministério da Previdência e Assistência Social (MPAS) e da Secretaria Nacional do Tesouro (STN).

No caso da Rais, o Dieese considerou todos os assalariados com carteira assinada, empregados no mercado formal, nos setores públicos (celetistas ou estatutários) e privado, que trabalhavam em dezembro de 2014, acrescido do saldo do Caged de 2015 (até setembro).

Beneficiados. Cerca de 60,2% do total de beneficiados (50,8 milhões de pessoas) que serão beneficiadas com o pagamento adicional do 13º salário este ano são empregados formais. "Entre estes, os empregados domésticos com carteira de trabalho assinada somam 1,916 milhões equivalendo a 2,3% do conjunto de beneficiários do abono natalino", diz a nota do Dieese. O montante a ser recebido pelos empregados formais é de R$ 121,7 bilhões.

Mais de um terço do total é de aposentados ou pensionistas da Previdência Social. Estas duas categorias somam um contingente de 33,6 milhões de pessoas, ou 38,6% do total de beneficiados. Além desses, cerca de 1,2% do total (979 mil pessoas) se referem aos aposentados e beneficiários de pensão da União. O total a ser recebido por essas categorias soma R$ 51,5 bilhões.

"Há ainda um conjunto de pessoas constituído por aposentados e pensionistas dos estados e municípios (regime próprio) que vai receber o 13º e que não puderam ser quantificados", pondera o Dieese.

Estado de São Paulo

Link alternativo: http://fsindical-rs.org.br/n/1wn

Versão desta notícia em PDF




Tags:    força sindical   rs

Enviar notícia para amigo(a)

Imagem de verificação

Notícias relacionadas

Facebook

Notícias deste período

Primeira parcela do 13º salário será paga nesta segunda

Municipários de Sarandi e Região elegem nova diretoria

Programação Natalina da Central inicia nas comunidades de Porto Alegre

Central divulga nota de repúdio contra atos de violência a motorista na capital

1ª parcela do 13º salário cai até o dia 30; veja 10 perguntas e respostas

Indústria eletroeletrônica demite 32,8 mil pessoas

Central divulga manifesto sobre implantação do Uber em Porto Alegre

Intenção da GM de Gravataí em propor lay-off gera protesto dos trabalhadores

Força Sindical-RS participa do Congresso Fenatec/Conatec em Porto Alegre

Central define propostas sobre o financiamento sindical

Metalúrgicos perdem 53,8 mil empregos no RS em um ano

Sindimercosul: caminhoneiros com restrição não podem ter contratação "negada" por gerenciadoras de risco

Na crise, 13º tem destino certo: contas em atraso

Confira a votação sobre o veto presidencial ao reajuste dos aposentados pelo percentual do mínimo

Nascidos em novembro: pagamento do Pis começa nesta quinta

Centrais debatem piso regional com o governo

Presidente da Força critica deputados que aprovaram veto ao reajuste dos aposentados pelo percentual do mínimo

Assembleia geral vai debater proposta de negociação salarial em Gravataí

Clàudio Janta discute trabalho temporário em seminário da Asserttem

União dos comerciários foi decisiva para garantir direitos e avançar nas conquistas

Exportações e ajustes são apostas dos calçadistas

Clàudio Janta palestra sobre trabalho temporário amanhã, dia 18

Porto Alegre tem a maior inflação semanal entre as capitais, diz FGV

Nota da Força Sindical sobre a tragédia em Mariana (MG)

Nota oficial sobre atentados em Paris

Mais notícias

Twitter

Jornais

Vídeos

8º Congresso da Força Sindical-RS

Confira os principais momentos do Congresso Estadual da Central

Outros vídeos

Campanhas






Quem somos

Sobre a Força Diretoria Atuação no Estado Metas Filiados

Secretarias

Juventude Meio ambiente Formação Sindical Saúde do trabalhador

Materias oficias

Álbum de fotos Vídeos Jornais Logotipos da Força Jingles

Publicações

Notícias Agenda Tweets Interativas Artigos

Comunicação

Fale conosco Informativo Canal RSS Como chegar Mapa do site

Campanhas

Fórum Social Mundial Faixa de Fronteira 2015 Bioma Pampa Posto de Saúde 24h Trabalho Decente
Força Sindical do Rio Grande do Sul
Cristovão Colombo, 203 - Porto Alegre
Rio Grande do Sul, Brasil
CEP 90560-003 - Fone: (51) 3228.0098
contato@fsindical-rs.org.br